Ministro da Infraestrutura detalha projeto de malha ferroviária para Centro Oeste

O ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, detalhou todo o projeto da malha ferroviária prevista para atender a região central do país durante encontro, na última terça-feira (24), com o governador de Goiás, Ronaldo Caiado. 

A reunião também abordou a implementação de um Centro de Excelência de Tecnologia Ferroviária, em Anápolis, a situação da BR-153, conhecida como Belém-Brasília e a viabilidade de o aeroporto de Anápolis passar a operar com aviões cargueiros.

Com o andamento das obras da Ferrovia Norte-Sul entre Ouro Verde (GO) e Estrela d’Oeste (SP), construção da Ferrovia de Integração Centro-Oeste (FICO) e a implementação da Ferrovia de Integração Oeste-Leste (FIOL) – que já pode ter o trecho entre Ilhéus-Caetité, na Bahia, concedido em 2021 –, o ministro antecipou ao governador que o estado de Goiás poderá contar com até três saídas para o escoamento da produção, quando todas as obras estiverem finalizadas: o Porto de Santos, o Porto de Itaqui (MA) e o Porto de Ilhéus (BA).

Sobre o centro destinado à tecnologia em ferrovias, o ministro destacou que “o projeto em Anápolis é sensacional. A estrutura proporcionada pelo governo local é de 1º mundo. Pretendemos viabilizar a operação dele já no primeiro semestre do ano que vem”, planejou.

Freitas também explicou a situação da BR-153, que está com o projeto para concessão sob análise do TCU. A previsão é que o projeto vá a leilão no 2º trimestre de 2021, com o primeiro ciclo de obras voltado para a duplicação da estrada.

Com informação da Assessoria Especial de Comunicação do Ministério da Infraestrutura

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Veja mais publicações

Eventos

Workshop apresenta novas tecnologias para pesagem veicular no Nordeste

Geral

WELLINGTON FAGUNDES – O novo Marco Legal do Saneamento

Eventos

Webinar Frenlogi-IBL reúne especialistas em debate sobre combustível e logística

Geral

Webinar Brasil Export com reforço IBL-Frenlogi debate sobre Lei dos Portos

Aéreo

Vinte e dois aeroportos serão estudados na 6ª rodada de concessões